Blog

Cremação em BH: Entenda como funciona

Categoria Cremação Homenagem Meio ambiente Tecnologia

373 visualizações

Cremação em BH: Entenda como funciona

Existem diversos motivos que levam as famílias a optarem pelo processo de cremação em BH na hora de se despedirem de uma pessoa querida ao invés do sepultamento. A cremação, além de ser um processo ecológico, ou seja, um procedimento ambientalmente correto, é ainda um processo bem mais prático e, também, mais econômico. Tudo isso, auxilia e traz mais facilidade e conforto para as famílias que, no momento que já é tão complicado e sensível como o momento do luto, precisam tomar decisões inadiáveis.

Embora seja um costume milenar, praticado por várias civilizações antigas, a cremação é hoje considerada, um serviço funerário moderno que emprega tecnologias avançadas, em conformidade com a legislação ambiental e a favor da natureza e da qualidade de vida.

O processo de cremação impede que o corpo e os outros itens envolvidos durante o sepultamento sofram decomposição. Esse fato evita que a geração de resíduos, sejam eles sólidos ou líquidos, contaminem o meio ambiente. Esses resíduos além de contaminar o solo, acabam por contaminar também os lençóis freáticos e podem trazer vários e sérios problemas sanitários. Por outro lado, a cremação diminui os problemas de superlotação dos cemitérios, além de contribuir também com as questões relativas à ocupação de uso de solo. 

Considerando o crescimento das populações, o aumento da longevidade, e a elevação do número de idosos, os poucos espaços disponíveis para se construir cemitérios nas cidades modernas têm sido uma crescente preocupação dos gestores de áreas urbanas. Como a prática da cremação em BH não depende de locais para enterrar os corpos, ela se tornou uma opção bem mais viável e diminuindo bastante os impactos ambientais.

 

QUANTO CUSTA A CREMAÇÃO EM BH?

Os valores cobrados pela cremação são bastante variáveis aqui no Brasil e também na cidade de Belo Horizonte. Geralmente, o procedimento tem custa a partir de R$ 3000,00, apresentando variações de acordo com serviços adicionais solicitados no momento da contratação.

Você pode solicitar mais informações clicando aqui.

 

O que fazer com as cinzas após a cremação?

Depois que as famílias optam pela cremação surge, então, uma nova questão. O que fazer com as cinzas? Qual a melhor destinação para se dar às cinzas resultantes da cremação humana? Essa tem sido uma dúvida frequente das famílias, após realizarem a cremação. O local de escolha para guardar as cinzas pode variar de acordo com as tradições da família, com suas crenças religiosas ou, às vezes, até mesmo com o desejo da pessoa que faleceu.

Dentre as possibilidades de destinação, a opção de dispersão nos diversos ambientes da natureza: rio, mar, montanhas, dentre outras, têm sido as mais frequentemente escolhidas. 

Porém, atualmente, com o aumento do público adepto à cremação, as pessoas têm expressado a vontade de dar um destino mais “sagrado” para as cinzas, um local para reverenciar a seus entes. Um local definido onde possam rezar, orar e se conectar com as memórias das pessoas queridas que se foram.

Uma possibilidade interessante é possibilitar que as cinzas se incorporem ao ciclo de vida de uma árvore. O BioParque, um Parque Memorial e Museu, sediado em Nova Lima, na grande BH, desenvolveu uma tecnologia de vanguarda, inédita no Brasil e no mundo, que viabiliza com cuidado e excelência essa possibilidade.

Para que isso ocorra, as cinzas são depositadas em uma urna especial e biodegradável. Essa urna recebe as cinzas, um substrato específico e uma semente de qualidade certificada, selecionada entre sete espécies arbóreas disponibilizadas pelo BioParque. 

Todo o conjunto (urna, cinzas, substrato e semente) é então transferido para um viveiro tecnológico que apresenta controle automático de umidade e temperatura e ali será continuamente monitorado por especialistas da área. Em alguns dias a semente germina e uma pequena muda começa a se desenvolver. 

Ao longo de um ano e meio, a dois anos, sempre monitorada a muda cresce, desenvolve e quando estiver apta, será transferida para solo do BioParque. No solo a muda se transformará em uma árvore adulta, continuando seu ciclo de vida representando uma linda homenagem e se transformando em um marco memorial simbólico, que remete às histórias e memórias de um ente querido.   

Se você já tem a certeza ou ainda está indeciso entre a cremação e o sepultamento na cdade de Belo Horizonte, venha conhecer o BioParque. Teremos prazer em apresentar toda a proposta do BioParque para você. Faça uma visita ao nosso Showroom que fica no Sion, na Rua República Argentina 643. Agende uma visita pelo fone: (31) 30187000.

Deixe o BioParque, a Natureza e a Vida surpreenderem você!

Compartilhe este conteúdo!
Leia também